Modelo Spotify para Cultura de Engenharia - Parte 3/3

Nesta semana, Ricardo apresenta a parte final sobre a cultura da engenharia criada pelo Spotify para gerenciar e entregar projetos. O modelo Spotify visa moldar uma cultura de equipes auto-organizadas e autônomas, onde a independência e o alinhamento combinados com um forte foco nas pessoas e motivação visam trazer agilidade em escala com lançamentos dissociados rápidos e um incrível senso de confiança mútua.

Modelo Spotify para Cultura de Engenharia - Parte 2/3

Nesta semana, Ricardo apresenta a parte 2 de 3 sobre a cultura da engenharia criada pelo Spotify para gerenciar e entregar projetos. O modelo Spotify visa moldar uma cultura de equipes auto-organizadas e autônomas, onde a independência e o alinhamento combinados com um forte foco nas pessoas e motivação visam trazer agilidade em escala com lançamentos dissociados rápidos e um incrível senso de confiança mútua.

Modelo Spotify para Cultura de Engenharia - Parte 1/3

Nesta semana, Ricardo dá início a uma série de 3 episódios sobre a cultura da engenharia criada pelo Spotify para gerenciar e entregar projetos. O modelo Spotify visa moldar uma cultura de equipes auto-organizadas e autônomas, onde a independência e o alinhamento combinados com um forte foco nas pessoas e motivação visam trazer agilidade em escala com lançamentos dissociados rápidos e um incrível senso de confiança mútua.

O Projeto é Complexo o Suficiente: Simplifique a Gestão

Neste episódio, Ricardo aborda o desafio de utilizarmos sistemas de gerenciamento complexos para gerenciar projetos complexos. Esse tipo de erro é muito comum. À medida que as coisas ficam mais complexas, você adiciona mais camadas de controles, relatórios, etc. É aí que nasce a burocracia. E é aí que o seu projeto ou iniciativa vai para o CTI...

Por que é Tão Difícil Fazer Pessoas Inteligentes Trabalharem Juntas?

Nesse episódio, Ricardo reflete sobre cinco aspectos que poderiam explicar por que alguns profissionais com elevada capacidade intelectual têm tanta dificuldade em trabalhar em equipe. Ele discute aspectos relacionados à confiança, educação, ego, QI e QE, entre outros, e seu impacto no desejo e na eficácia de uma pessoa "inteligente" para trabalhar em equipe.

Vamos Ficar Atentos: O que realmente é uma Mentalidade Distinta?

Neste episódio, Ricardo comenta um post recente no LinkedIn comparando o “Project Management Thinking” com o “Scrum Master Thinking”. A publicação apresenta claramente um lado como controlador, autoritário, centralizador etc., e o outro como participante da equipe e facilitador. Em uma rara resposta às postagens, Ricardo mencionou que essa não é a comparação correta. Esta é uma comparação entre profissionais competentes e incompetentes.

Entendendo a Declaração de Escopo, a Declaração de Trabalho e os Requisitos

Neste episódio, Ricardo explica a diferença fundamental entre o escopo que você define para o projeto, os documentos de suprimentos que você pode usar para obter produtos e serviços e os requisitos que você identifica para definir os limites do trabalho a ser feito. É essencial destacar que Ricardo não restringe esses documentos ao gerenciamento de projetos "waterfall".

Buscar em Podcasts
Estatísticas da Seção
491
Total de Episódios
27
Publicados em 2020
4.566.053
visualizações (total)
Recomendações de livros

Leia a opinião de Ricardo para alguns dos melhores livros técnicos publicados no exterior.

View recommendations Powered by Goodreads.com logo